Emdec e Emtu atendem pedido de vereadores e alteram linhas de Indaiatuba

image_pdfimage_print

Cebolinha, Maurício e Hélio conseguem reverter mudança na linha Campinas/Indaiatuba que gerou inúmeras reclamações dos usuários

14015O itinerário do ônibus que faz a linha Campinas-Indaiatuba sofrerá uma expansão a partir de 6h de domingo (30). A mudança atende a um pedido do presidente da Câmara Luiz Alberto ‘Cebolinha’ Pereira e dos vereadores Maurício Baroni e Hélio Ribeiro. “O ônibus, que até dezembro tinha como ponto final a Rua Dr. Ricardo, próximo à Rodoviária de Campinas, transferiu o ponto para a Rua dos Expedicionários, local considerado escuro e perigoso pelos usuários; desde então estamos numa batalha para poder fazer a mudança, uma vez que apenas a Emdec e a EMTU poderiam autorizá-la”, lembra Cebolinha.

Para conseguir a alteração foram necessárias várias reuniões. A primeira delas foi feita ainda em Indaiatuba, informando que o Município não poderia determinar o ponto final de uma linha de ônibus existente em Campinas. “Não há como um Município interferir em outro Município, por isso, o jeito foi levarmos o problema para Campinas”, lembra Cebolinha.

Na Emdec, os vereadores ganharam o apoio e empenho do diretor Pedro Meloni, que em tratativas com a EMTU realiza agora a mudança. “A EMTU se mostrava irredutível e uma das alegações era a de que usuários de Valinhos e Vinhedo, que também enfrentavam a mesma alteração, não reclamaram da mudança”.

Os vereadores levaram para Campinas a movimentação feita através das redes sociais, solicitando as mudanças e relatando os problemas enfrentados pelos usuários: local escuro, longe das principais linhas de ônibus urbanos, distante e perigoso.

Na sexta-feira(21), representantes da Emdec anunciaram por telefone, ao presidente da Câmara de Indaiatuba, a saída encontrada pela EMTU para o problema: unir o trajeto feito até dezembro com o atual.

“Não foi fácil porque foi preciso interferir na programação de outro Município, mas conseguimos e isso é motivo de orgulho para nós e para todos os usuários que precisaram enfrentar as mudanças com paciência até que conseguíssemos reverter a situação”, afirma Cebolinha.

Comunicado

A Prefeitura de Campinas publica hoje (27) nota oficial aos usuários, informando que a partir de 30 de março, a expansão irá atingir dez linhas metropolitanas de ônibus que fazem o transporte público entre Campinas e os municípios de Indaiatuba, Valinhos e Vinhedo.

Ainda segundo a nota, representantes da Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec) e da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo (Emtu) decidiram incluir no itinerário destas linhas mais um trecho para atender à solicitação de usuários que precisam ir à nova rodoviária ou ao Terminal Metropolitano.

Atualmente, alguns usuários descem na Estação dos Expedicionários em Campinas e reclamam que são obrigados a caminhar aproximadamente 700 metros até a rodoviária, ou ao Terminal Metropolitano (geralmente com bagagens para viagem).

Confira as novos mudança

Os ônibus de Indaiatuba vão manter o itinerário atual saindo de Indaiatuba até a Estação Expedicionários normalmente e, a partir deste ponto, vão seguir o novo trecho passando pela Praça Marechal Floriano, Avenida Andrade Neves, Avenida Benjamin Constant, Rua Doutor Ricardo, Rua Sebastião de Souza, Rua 11 de Agosto, Avenida Campos Sales, Avenida Senador Saraiva, Viaduto Cury e voltar para Indaiatuba pelo itinerário atual.

Os ônibus de Valinhos e Vinhedo vão manter o itinerário atual saindo destas cidades até a Estação dos Expedicionários normalmente e, a partir deste ponto, vão seguir o novo trecho passando pela Praça Marechal Floriano, Avenida Andrade Neves, Avenida Benjamin Constant, Rua Doutor Ricardo, Rua Sebastião de Souza, Rua 11 de Agosto, Avenida Campos Sales, Avenida Francisco Glicério e voltar para Valinhos e Vinhedo pelo itinerário atual.

Você pode gostar...